segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Próxima parada: Cura

No mês de novembro 2011, realizamos um concurso de redação com nossas residentes em tratamento, que chamamos de Missão na Ponta do Lápis. Camila ganhou em 1º Lugar. Sua criatividade, talento na escrita, inspiração e transparência em sua caminhada de recuperação, nos emocionou muito. Por esta razão, é claro com a sua autorização resolvemos publicá-la para que vocês também sejam edificados.

                                                         Próxima parada: Cura

Estou saindo de viagem e o meu destino é a cura. O caminho é longo. Não vai ser fácil, mas vou chegar lá.
Hoje estou saindo da minha velha vida, os costumes estão ficando para trás. Os vícios? Esses já não podem me acompanhar. Saindo dessa velha vida pego a estrada dos novos conceitos de vida, estou entrando na cidade dos espelhos, onde vou começar a me olhar por dentro, com minhas feiúras a flor da pele, sem máscaras.
No caminho a saudade bate, tenho medo, dá vontade de parar, talvez pra esperar um pouquinho ou até mesmo esperar clarear, mas eu não posso parar.
No meio do caminho a gasolina acabou e o meu combustível é simples, ler a bíblia e orar. Pronto! Estou pronta para continuar na estrada.
Bem! Continuo a viagem... no caminho entrei numa cidade e lá eu tive que passar a noite. Cheguei na cidade do Conhecimento Bíblico, essa parada foi muito boa, eu renovei as minhas forças e a esperança de prosseguir nessa viagem.
É... amanheceu, e logo cedo já estava na estrada, o dia foi clareando e muitas coisas foram passando por minha cabeça. Já a tarde, o sol estava se despedindo, quando de repente a estrada ficou cheia de buracos, com muitos caminhões à minha frente. Nesse momento eu entrei na BR da Negação. Estrada difícil de passar, cheguei a pensar que nunca sairia dali, fiquei fraca e por um momento esqueci de Deus, mas, logo comecei a orar e me encorajei a sair daquela estrada. Ufa! Pronto! A estrada da Negação ficou para trás.
A viagem estava perto do fim. Estava cansada, queria parar na próxima cidade para descansar um pouco. Uma placa anunciava um lugarejo com o nome de “Tentações”. Estava disposta a parar, mas quando entrei ali, era um lugar lindo, com parques e praças, bares, drogas liberadas, mas tinha algo estranho ali. Os moradores usavam tipo uma venda, uns óculos escuros. Fui procurar o Prefeito daquele lugar, o nome dele era Lúcio e ele me disse que os próprios moradores preferiam continuar com aquilo nos olhos, confesso que fiquei tentada a ficar, descansar, mas resisti e passei pelo lugarejo, não fiquei na Tentação.
Oba! A próxima cidade é a Cura. Estou muito cansada... continuei na estrada, avistei uma cidade muito grande, estava chegando perto quando vi uma placa bem grande e nela estava escrito: “Bem vindo à Cura”.
Meu cansaço já não fazia parte de mim, era lindo demais. As casas eram todas brancas, não tinha lixo no chão, e tinha um cheiro suave e muito agradável. As pessoas eram felizes, e tinham um brilho especial.
Passeando pela cidade encontrei um lago que se chamava “Nova Vida”, achei diferente o nome e dei um mergulho, quando sai... Nossa! Senti-me diferente, uma nova criatura, logo entendi o nome do lago, percebi que ao mergulhar, deixei lá tudo que me afligia, fiquei morando ali na Cura, com um brilho especial e um cheiro suave e agradável, me tornei uma cidadã Curada.
Fim


Compartilhar

Postagens Relacionadas

Próxima parada: Cura
4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Adicionar o seu endereço de e-mail para subscrever .

2 comentários

Escrito comentários
avatar
16 de janeiro de 2012 13:55

Que lindo meu Deus, esse texto está lindo..foi escrito com o coração!
Que Deus abençoe a Camila na sua caminhada!Deus é maravilhoso.

Reply
avatar
16 de janeiro de 2012 17:00

Mila como vc é linda...que texto maravilhoso amiga!

Reply

Página inicial